quarta-feira, 12 de julho de 2017

APÓS SEIS ANOS À FRENTE DA DIOCESE DE PETROLINA, DOM MANOEL DOS REIS TEM RENÚNCIA ACEITA PELO PAPA FRANCISCO

O Bispo da Diocese de Petrolina, Dom Manoel dos Reis de Farias, teve sua renúncia aceita pelo Papa Francisco na manhã de hoje (12). Dom Manoel deixará o posto após seis anos à frente da Igreja Católica de Petrolina. O motivo de sua saída está diretamente ligada ao Direito Canônico, que prevê que ao completar 75 anos, no dia do aniversário, o Bispo seja substituído. A informação foi divulgada pela Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a qual não deu detalhes sobre o substituto de Dom Manoel, nem quando ocorrerá a posse.
Nascido em Orobó (PE) em 1943, dom Manoel dos Reis de Farias estudou Filosofia no Instituto “Estrela Missionária”, em Nova Iguaçu (RJ) e Teologia no monastério “São Bento” do Rio de Janeiro. Foi ordenado sacerdote em 6 de janeiro de 1983 em Orobó.

Em Nazaré (PE), como sacerdote, foi reitor da Casa de Formação (1985-1986); pároco da paróquia de São Sebastião em Machados (1988-1990); pároco da igreja “Divino Espírito Santo” em Pau de Alho (1990-2001); diretor espiritual dos seminaristas maiores (1990-2001) e membro do colégio dos consultores. Em 8 de agosto de 2001 foi eleito bispo de Patos, na Paraíba, e recebeu a consagração episcopal em 10 de outubro do mesmo ano. Foi nomeado para a diocese de Petrolina em 2011, pelo papa Bento XVI.
Carlos Britto